Clube Naval de Cascais

PortuguêsEnglish (UK)
 
 
domingo, 15 janeiro 2017 16:21

3rd Cascais Dragon Winter Series

3rd Cascais Dragon Winter Series Ricardo Pinto

Com o apoio do Turismo de Portugal e da Camara Municipal de Cascais, foi realizada a 3ª Cascais Dragon Winter Series neste fim-de-semana e reuniu 28 tripulações de 12 países que durante os três dias de prova disputaram seis das sete regatas previstas. Este evento da Classe Dragão é composto por uma série de 6 etapas, trazendo intensa actividade para aquecer o inverno dos velejadores da Classe Dragão, que em Junho de 2017 disputam o seu Campeonato Mundial em Cascais.

RP170113_CDWS2SD1_5918.jpg

Com cada vez mais velejadores a chegarem a Cascais, e como habitualmente, a prova iniciou-se na 6ª feira, com a disputa das duas primeiras regatas da prova, com vento moderado de Norte e um sol radiante. A primeira regata da prova foi ganha pelo Fever de Klaus Diedrichts, enquanto a segunda regata do dia foi para o Monday de Lawrie Smith, que estreava um barco novo e vinha com muita vontade de vencer.

RP170113_CDWS2SD1_6494.jpg

Já no Sábado, pelas 11:00 horas, a frota foi para o mar e com vento de nordeste e muito sol, começava a disputa do segundo dia de regatas. Este foi um dia bastante atípico, com o vento a mostrar-se muito instável, o que obrigava os tácticos a terem trabalho extra. Tal como na 2ª Winter Series, o segundo dia de regatas iniciava-se com o Sanka de Dave Ross a vencer. Já a segunda regata do dia foi para o Rosie de Benjamin Morgen, enquanto a terceira ia para o Strange Little Girl de Andrey Kirilyuk, que assim passava para a liderança da prova terminando o dia com 2 pontos de avanço sobre o Monday de Lawrie Smith.

RP170115_CDWS3SD3_7231.jpg

O Domingo voltou a amanhecer com muito sol e vento de leste, e pelas 11:00 horas a frota largava para a primeira regata do dia. Com o vento ligeiramente mais fraco que nos dias anteriores, o Smaug de Nicola Friesen vencia a primeira regata do dia. A frota ainda chegou a largar para a segunda regata do dia (sétima da prova), mas o vento acabou por desaparecer, obrigado a comissão de regatas a anular a regata e a mandar toda a frota para terra.

RP170115_CDWS3SD3_7207.jpg
No final do evento, e com o programa de regatas quase completo com condições de vento fantásticas, a vitória coube ao Monday de Lawrie Smith, Hugo Rocha, Gonçalo Ribeiro e Ruben Sole, seguido pelo Strange Little Girl de Andrey Kirilyuk, Aleksey Bushuev e Vitaly Ignatenko em segundo e pelo Fever de Klaus Diedrichts, jamie Lea and Diego Negri em terceiro. Em primeiro lugar na divisão Corinthian, destinado a tripulações 100% amadoras, ficou o Rosie de Benjamin e Karl Morgen e Nicolas Raedecke.

RP170115_CDWS3SD3_9202.jpg

No Ranking das Winter Series, e após 3 provas realizadas, o Eva de Lars Hendriksen lidera com 8 pontos, seguido do Strange Litle Girld e Dmitry Samokhin com 14 pontos em segundo e pelo Drago de José Matoso com 18 pontos em terceiro.

Em relação às tripulações Portuguesas que disputaram a sua primeira prova de selecção para o campeonato Mundial e onde apenas contam os resultados dos barcos portugueses, o Lady Taty de Patrick Monteiro de Barros, Alvaro Marinho e Rodrigo Vantacich seguem na liderança, seguidos pelo Christmas de Pedro Mendes Leal, Afonso Domingos, Jorge Moya e Mariana Lobato em segundo, e pelo Drago de José Matoso, Gustavo Lima e Frederico Melo em terceiro.

Durante a distribuição de prémios houve ainda a oportunidade de realizar um minuto de silêncio em memória de Carlos Ribeiro Ferreira, que havia falecido na 5ª feira anterior à Prova. Carlos Ribeiro Ferreira teve um percurso de excelência enquanto velejador, tendo representado Portugal nos JO de Roma em 1960 e sido 8 vezes Campeão Nacional da classe Dragão. Para além das suas qualidades enquanto velejador, Carlos Ribeiro Ferreira teve ainda um percurso notável enquanto dirigente desportivo.

A próxima Dragon Winter Series é já daqui a 1 mês, nos dias 10 a 12 de Fevereiro, e continuam até Abril de 2017, quando da disputa do XXII Troféu S.M. Rey Juan Carlos. Mas a temporada de Dragões 2016/2017 será mais longa que o habitual, pois com o Mundial da Classe a disputar-se em Junho, serão muitos os Dragonistas que virão para Cascais, aproveitar as excelentes condições do Clube para a sua preparação para a prova mais importante do ano.

Resultados

Fotografias de Ricardo Pinto